Dia Mundial da Erradicação do Trabalho Infantil é lembrando com mobilização social

Secretaria de Assistência Social

10 de junho de 2019
Acessibilidade

A Secretaria Municipal de Assistência Social promove nesta quarta-feira (12/06), Dia Mundial da Erradicação do Trabalho Infantil, uma campanha de mobilização social e conscientização sobre o tema, por intermédio do PETI - Programa de Erradicação do Trabalho Infantil e em parceria com as Secretarias Municipais de Saúde, Desenvolvimento e Educação. O evento será realizado a partir das 9 horas no Largo do Rosário e marcará uma série de outras ações educativas na cidade.

O evento começa com uma caminhada que sairá de frente à Escola Municipal Coronel Almeida em direção ao Largo do Rosário. A partir das 9h30, o público poderá conferir as apresentações culturais e musicais promovidas por entidades sociais parceiras e conhecer serviços diversos como a Unidade Móvel do Programa Municipal de ISTs/Aids com informações sobre prevenção de Infecções Sexualmente Transmissíveis, Programas "Time do Emprego" e "Jovem Cidadão", emissão da primeira via da Carteira de Trabalho (levando foto 3X4 e comprovante de endereço atualizado) e cadastro no Programa Jovem Aprendiz pelo CIEE.

“O objetivo é dar visibilidade ao programa e promover a articulação entre as políticas públicas para prevenção e identificação do trabalho infantil, garantindo proteção integral para nossas crianças e adolescentes”, explica a secretária municipal de Assistência Social, Neusa Marialva.

Outras atividades marcam a data em diferentes pontos da cidade ao longo do mês de junho. No dia 17, a partir das 9 horas, a Associação Madre Esperança de Jesus, no Jardim Piatã, promove uma roda de conversa com adultos que participam do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos do Cras – Centro de Referência da Assistência Social Centro.

No dia 19 de junho, também a partir das 9 horas, o Centro Comunitário Madre Esperança, na Vila Brasileira, realiza uma caminhada pelo bairro seguida de gincanas e apresentações culturais. No dia 26, o Instituto Maria Mãe do Divino Amor, no Botujuru, promove, a partir das 14 horas, uma oficina com o tema “Melhor a criança trabalhar que ficar na rua”. O encontro envolve membros do Cras Cezar de Souza e do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos para Adultos.

O encerramento do mês de atividades alusivas ao Dia Mundial de Erradicação do Trabalho Infantil está marcado para o dia 28 de junho, a partir das 8 horas, no Theatro Vasques. O encontro contará com a presença da escritora Anna Luiza Calixto, que abordará o tema "A importância do combate ao trabalho infantil através da participação sócio-política de crianças e adolescentes". Anna Calixto é escritora e militante pelos direitos da criança e do adolescente, palestrante e ativista pelo Partner of America e membro co-fundadora do Comitê Nacional de Adolescentes pela Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil no Estado de São Paulo, entre outras especializações.

O evento é livre, mas voltado preferencialmente para profissionais da rede de proteção da infância e adolescência do município. Os interessados devem se inscrever pelo link: https://forms.gle/6W1sQ8FMPyB9QAGQ9

Material

No início do ano, a Prefeitura de Mogi das Cruzes realizou o Lançamento dos materiais lúdicos do PETI – Programa de Erradicação do Trabalho Infantil: o Gibi Turma da Mônica “Trabalho Infantil, Nem de Brincadeira” e o Jornal “Aprenda a Dizer Não ao Trabalho Infantil”, que fazem parte do plano de ação realizado pela Secretaria Municipal de Assistência Social executado em parceria com a Secretaria Municipal de Educação e organizações sociais parceiras.O material é utilizado em trabalhos preventivos nas escolas municipais e serviços de convivência e fortalecimento de vínculos, beneficiando um total de 26 mil crianças e adolescentes da cidade. O PETI é um programa da Política Nacional de Assistência Social com objetivo de promover ações de proteção às crianças e adolescentes, divulgando e combatendo trabalho infantil.