Servidores vestem rosa em apoio à campanha Outubro Mais Rosa

Fundo Social

08 de outubro de 2019
Acessibilidade

A presidente do Fundo Social de Mogi das Cruzes, Karin Melo, percorreu diversos prédios da Prefeitura na manhã desta terça-feira (08/10), para o tradicional “Dia de Vestir Rosa”, que é a mobilização dos servidores da Administração Municipal em torno da campanha Outubro Mais Rosa. A ação visa conscientizar mulheres de toda a cidade para a necessidade de prevenção à doenças como o câncer de mama e câncer de colo uterino.

Foram percorridos os prédios do Polo Digital, o prédio-sede da Prefeitura, a sede do Serviço Municipal de Águas e Esgotos (Semae), a sede da Secretaria Municipal de Educação, o prédio II da Prefeitura, a Escola de Governo e Gestão, a sede da Secretaria Municipal de Saúde e, por fim, a sede da Secretaria Municipal de Serviços Urbanos.

“Nosso objetivo é levar a mensagem da prevenção a todos e lembrar que a prevenção é sempre o melhor caminho. Por isso, a Prefeitura se une hoje e se engaja nessa campanha”, destacou Karin.

Durante todo o mês de outubro, mogianas de 50 a 69 anos que ainda não realizaram mamografia anual podem procurar a unidade de saúde mais próxima para solicitar o agendamento do exame. A Campanha Mogi + Rosa também trabalha a prevenção do câncer de colo de útero por meio do Papanicolau, que deve ser feito por mulheres de qualquer idade a partir do início da atividade sexual, uma vez por ano.
Os atendimentos fazem parte da Campanha Outubro Mais Rosa, lançada na última sexta-feira (04/10) em Mogi das Cruzes com o objetivo de incentivar a informação focada nas ações preventivas e no incentivo ao diagnóstico precoce. A divulgação dos principais sinais e sintomas do câncer de mama sobre a importância de realizar exames regulares prossegue em todas as unidades de saúde.

O câncer de mama está entre as doenças mais temidas pelas mulheres devido à alta frequência e seus efeitos físicos e psicológicos. Entre os sintomas perceptíveis estão o surgimento de nódulo ou tumor no seio, acompanhado ou não de dor mamária. Também podem surgir alterações na pele que recobre a mama e nódulos palpáveis na axila.
O histórico familiar é um importante fator de risco, especialmente se um ou mais parentes de primeiro grau (mãe ou irmã) foram acometidas antes dos 50 anos. Outros fatores são: menarca precoce (idade da primeira menstruação); menopausa tardia (após os 50 anos) e nuliparidade (ausência de filhos).

Programação

Sábado, 05/10 – das 8h às 17h
Locais: Pró-Mulher e PSFs
Ações: Coleta de Papanicolau, Palestra sobre Planejamento Familiar e Exames de Colonoscopia

Sábado, 12/10 - das 9h às 15h
Local: Parque Centenário
Coleta de Papanicolau
Local: Parque Leon Feffer
Testagem rápida HIV/Sífilis

Sábado e domingo, 19 e 20/10 - das 10h às 18h
Local: Secretaria de Agricultura
Ação com a Red House Tatoo
Coleta de Papanicolau
Testagem rápida HIV/Sífilis

Sábado, dia 26/10 - das 8h às 16h
Local: Parque da Cidade - Caminhada Kobayashi
Coleta de Papanicolau
Testagem rápida HIV/Sífilis