Parceria entre Prefeitura e UBC pretende mapear recicladores independentes

Secretaria do Verde e Meio Ambiente

13 de abril de 2018
Acessibilidade

Uma parceria entre a Prefeitura de Mogi das Cruzes e a Universidade Braz Cubas (UBC) pretende mapear a reciclagem na cidade e incorporar aos índices oficiais o trabalho de catadores que atuam de forma independente. Na quinta-feira (12/04) à noite, os diretores André Miragaia (Verde e Meio Ambiente) e José Roberto Rodrigues (Serviços Urbanos) fizeram uma palestra para alunos e professores sobre o trabalho de coleta seletiva e a destinação dos resíduos em Mogi.

De acordo com Miragaia, a Secretaria do Verde vem trabalhando para identificar e quantificar o real potencial de reciclagem do município. Para isso, a universidade está desenvolvendo um aplicativo de celular, que será utilizado pelos alunos para fazer o levantamento por meio do programa “Projetos Integradores” da UBC, com metodologia de pesquisa e envolvimento direto dos alunos em campo.

A Prefeitura já realiza o trabalho de coleta seletiva e triagem dos materiais, por meio do Programa Recicla + Mogi. “Mas nós sabemos que não é só isso, existe uma rede de catadores independentes, de cooperativas e sucateiros, que movimenta e recicla um volume ainda maior de materiais e que não estão contabilizados”, explica o diretor do Verde e Meio Ambiente

A parceria com a UBC será importante para conhecer quem são e onde estão esses recicladores, além de identificar também suas dificuldades operacionais e de que forma a Prefeitura pode auxiliar e melhorar as condições do trabalho. O objetivo é aumentar a capacidade de reciclagem, melhorando a limpeza pública e gerando renda para esses agentes ambientais. “Estamos estudando esses profissionais da reciclagem com intuito de identificar e desenvolver novas políticas públicas que possam beneficiar e auxiliar esses catadores melhorando nossa capacidade de reciclagem com inclusão social”, observou José Roberto Rodrigues. (Marco Aurélio Sobreiro)