Sala do Empreendedor inova e oferece abertura de empresas em até 24 horas

Secretaria de Desenvolvimento

05 de dezembro de 2018
Acessibilidade

Com duas semanas de funcionamento, a Sala do Empreendedor da Prefeitura de Mogi das Cruzes diminuiu a burocracia e o tempo de abertura de uma empresa na cidade. O processo que antes levava entre cinco e sete dias úteis passou para 24 horas para a abertura de empresas de natureza simples. A facilidade em encontrar todos os processos em único espaço está transformando o dia a dia de empreendedores e contadores da cidade. Neste período, foram feitas 139 inscrições no Cadastro de Contribuintes Imobiliários (CCM) e 222 entradas na Jucesp.

O resultado dos primeiros dias de trabalho surpreendeu. “A Prefeitura não pode ser o primeiro impedimento para o empreendedor, que está contribuindo para o desenvolvimento e a geração de empregos na cidade. A equipe superou nossas expectativas e a inscrição do CCM chega a levar até 30 minutos. Nosso objetivo é continuar a desburocratizar todos os atendimentos”, disse o prefeito Marcus Melo. A sala faz parte de um trabalho de inovação desenvolvido pela Administração Municipal, que conta com o Polo Digital de Mogi das Cruzes e a Escola de Empreendedorismo e Inovação.

Serviços que antes ficavam separados em suas secretarias de origem, como Finanças, Desenvolvimento Econômico e Social e Planejamento, desde o dia 19 de novembro estão ocupando o mesmo espaço, formando uma central de atendimento ao empreendedor. “Este é um dos fatores que fizeram o sucesso da sala. O comprometimento dos servidores com esta nova proposta de trabalho”, disse o gestor de projetos da Prefeitura de Mogi das Cruzes, Martin Mikl. A sala reúne todos os órgãos ligados ao processo como JUCESP, Cadastro de Contribuintes Mobiliários (CCM) e consulta de viabilidade técnica do uso e ocupação do terreno.

A agilidade no atendimento e a concentração dos serviços surpreenderam os empreendedores. O engenheiro Rafael de Souza, que atua como autônomo há cinco anos, decidiu abrir sua própria empresa e aprovou o novo espaço da Prefeitura. “Levei a documentação em um dia e no outro dia a empresa já estava aberta. O espaço facilita a abertura, é menos burocracia. Você não precisar ficar se movimentando de um lado para o outro”, contou.

Os contadores que antes frequentavam os corredores da Prefeitura levando seu processo, agora contam com um serviço ágil, facilitando seu trabalho. “Melhorou muito o serviço para nós da área contábil. Foi um ponto muito positivo a abertura da sala. Não tem mais espera, ficou um ambiente separado e exclusivo para isso”, avaliou Douglas Maia Daniel, da Profid Assessoria Contábil.

No espaço, os empreendedores também recebem orientações sobre a abertura de empresas de natureza mais complexa, como questões ligadas à vigilância sanitária, licenciamento ambiental e regularização de empresas vindas de outras cidades. A Sala do Empreendedor funciona no andar térreo do prédio-sede da Prefeitura de Mogi das Cruzes, ao lado do auditório, das 8 às 17 horas.  O endereço é Av. Ver. Narciso Yague Guimarães, 277 – Centro Cívico. (Kelli Correa Brito)