Banda Sinfônica apresentará “Concerto da Independência” nesta sexta-feira

Secretaria de Educação

03 de setembro de 2019
Acessibilidade

Nesta sexta-feira (06), às 20 horas no Theatro Vasques, a Banda Sinfônica de Mogi das Cruzes celebrará a terceira edição do “Concerto da Independência” em homenagem ao feriado nacional de 7 de setembro. O grupo faz parte do projeto Pequenos Músicos... Primeiros Acordes na Escola, realizado pela Secretaria de Educação de Mogi das Cruzes. A noite contará com participações especiais, em especial, dos atiradores do Tiro de Guerra de Mogi das Cruzes. A apresentação faz parte da programação de aniversário pelos 459 anos de Mogi das Cruzes e a entrada é gratuita.

A abertura do evento será com os jovens alunos da Banda Escolar do Cempre Prof. José Limongi Sobrinho, no Botujuru. O grupo, sob regência do coordenador musical Ewerton Ravelli, é uma das 16 bandas escolares formada a partir das aulas de musicalização e ensino sinfônico oferecidas pelo projeto Pequenos Músicos na rede municipal de ensino.

A Banda Sinfônica de Mogi das Cruzes receberá o maestro convidado 1º Tenente José Roberto Fabiano, regente da Banda Sinfônica do Exército. Este é o segundo ano consecutivo que o maestro participa desta homenagem com o grupo da cidade a convite do maestro Lelis Gerson, regente da Banda Sinfônica e diretor artístico da Sinfônica Mogi, associação que administra o projeto.

O concerto terá um repertório variado. “Relembraremos clássicos da música popular brasileira, como Canção da América, de Milton Nascimento, Aquarela do Brasil, de Ary Barroso e até mesmo a famosa canção sertaneja Evidências, muito conhecida pela interpretação da dupla sertaneja Chitãozinho & Xororó”, destacou o maestro Lelis.

O Tiro de Guerra de Mogi das Cruzes completa a programação com um grupo de atiradores, sob comando do subtenente Rogério Coelho Barbosa, que irão cantar o Hino da Independência e o Hino Nacional, acompanhados pela Banda Sinfônica.  O projeto Pequenos Músicos... Primeiros Acordes na Escola atende atualmente 11 mil alunos em 16 escolas municipais. Os estudantes recebem aulas de musicalização no período de aula e ensino sinfônico no contraturno.