Estrada da Chácara Santo Ângelo passa por trabalhos de recuperação e asfaltamento

Secretaria de Serviços Urbanos

10 de janeiro de 2019
Acessibilidade

O prefeito de Mogi das Cruzes, Marcus Melo, esteve na Chácara Santo Ângelo na manhã desta quinta-feira (10/01) para acompanhar os trabalhos de recuperação e asfaltamento que estão sendo realizados na estrada principal do bairro. A via recebe melhorias em toda sua extensão, que é de 2,9 quilômetros.

Dois trechos de 200 metros de extensão cada receberão implantação de camada asfáltica. O primeiro deles é o trecho em frente a Escola Municipal João Antonio Batalha, por onde os trabalhos começaram nesta quinta-feira e segundo é logo no início na estrada, no ponto em que ela se liga diretamente ao Conjunto Santo Ângelo.

Entre a entrada do Hospital Dr. Arnaldo Pezzuti Cavalcante (acesso pela Estrada das Varinhas) a e escola, num trecho total de 1,4 quilômetro, a via receberá material resultante de fresa. Já nos 1,7 quilômetro entre a escola e o início da estrada, a via será recuperada com bica.

Além da estrada principal, as equipes também farão melhorias em três quilômetros de vias secundárias, que cortam a estrada principal. Elas receberão trabalhos de compactação e aplicação de bica em alguns pontos.

Os trabalhos estão sendo executados com maquinário e mão-de-obra próprios, da Secretaria Municipal de Serviços Urbanos. Há cerca de um mês as equipes já estão atuando na estrada, cuidando de trabalhos preparatórios, que incluíram drenagem, nivelamento e cascalhamento.

O compromisso de realizar essa melhoria foi assumido pelo prefeito Marcus Melo em novembro do ano passado, durante visita ao bairro. “Esta é mais uma frente de recuperação do sistema viário da cidade, que estamos fazendo para melhorar a situação de quem vive e trabalha por aqui. Mogi das Cruzes tem a particularidade de ser uma cidade muito grande, mas estamos nos empenhando para manter todas as nossas ruas e estradas, sejam elas pavimentadas ou não, em boas condições”, destacou o prefeito.

Melo lembrou ainda que a aquisição do novo maquinário em 2018 fez triplicar os índices de resolutividade e agilidade no atendimento a demandas da Secretaria de Serviços Urbanos. "São vários esforços que estamos fazendo nesse sentido e o trabalho continua", complementou. 

Para quem mora e trabalha na região, o início do asfaltamento foi recebido com entusiasmo. “Antes a gente chegava atrasado no Ceagesp, perdia cliente, perdia produto. Agora vai melhorar muito o nosso escoamento e também a vida de todo mundo que mora aqui”, destacou o produtor rural Josias Barbosa de Moraes Filho, que reside na região há 32 anos.

A comerciante Adinaildes da Silva Santana também comemorou a benfeitoria. “Quando chove a estrada ficava toda esburacada, ficava difícil de passar o transporte escolar, os ônibus e aqui também passa muito caminhão, porque é a estrada principal do bairro. Nessas horas a gente vê que o voto da gente valeu a pena”, pontuou.

Outro morador que elogiou a iniciativa foi Epitácio Pessoa de Carvalho. “Só quem depende dessa estrada sabe como era. Uma buraqueira horrível, precário mesmo. A vida da gente era sofrida e ninguém olhava por nós. Agora estamos começando a acreditar que isso aqui vai melhorar”, destacou.

A previsão é que os serviços como um todo sejam concluídos em aproximadamente 60 dias, mas vale lembrar que o prazo depende diretamente da ocorrência de chuvas. (Lívia de Sá)