Hospital Municipal é a sexta unidade pública do Estado certificado pela ONA 2

Secretaria de Saúde

12 de setembro de 2017
Acessibilidade

O prefeito Marcus Melo recebeu, nesta manhã de terça-feira (19/09), no Theatro Vasques, um novo Selo de Qualidade outorgado pela Organização Nacional de Acreditação ao Hospital Municipal Prefeito Waldemar Costa Filho. A ONA 2 - Acreditado Pleno é concedido ao hospital que atende critérios de segurança do paciente em todas as áreas, incluindo aspectos estruturais e assistenciais, além da utilização de processos integrados e plena comunicação entre as atividades.

O Hospital Municipal entrou em operação em junho de 2014 e em abril do ano seguinte já estava com funcionamento pleno, incluindo o Centro Cirúrgico e a Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Em três anos, conquistou diversas melhorias e evoluiu em qualidade e serviços prestados. "Essa nova certificação reafirma uma cultura no atendimento em saúde que vem sendo praticado com muito sucesso em nossa cidade. E esse selo é motivo de muito orgulho e a certeza de que há uma equipe empenhada em oferecer o melhor para os pacientes”, comemorou o prefeito.

Na abertura do evento, que lotou o Theatro Vasques, o secretário municipal de Saúde, Téo Cusatis, apresentou um balanço das atividades realizadas pelo Hospital em pouco mais de três anos de funcionamento. No total, foram 1.158.262 procedimentos, dos quais 266.254 consultas no Pronto Atendimento Infantil 24 horas, 175.222 consultas agendadas nas mais diversas especialidades, 674.253 exames diagnósticos, 23.622 cirurgias, 11.282 internações e 23.622 atendimentos multiprofissionais. “O mais importante é saber que todos esses procedimentos estão sendo feitos dentro dos mais rigorosos padrões de qualidade”, afirmou.

No Estado de São Paulo, de acordo com o CNES – Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde, atualmente existem 1.081 hospitais cadastrados. Segundo a Organização Nacional de Acreditação, 92 hospitais são certificados, 14 dos quais unidades que atendem exclusivamente pacientes da rede pública. Desse total de 92 unidades, apenas 33 possuem o selo de qualidade ONA 2 - seis deles são públicos. "Essa certificação é motivo de orgulho para os mogianos e a certeza da qualidade dos serviços prestados em nosso hospital", afirmou o deputado estadual Marcos Damásio. Outras autoridades participaram da cerimônia, como o vice-prefeito Juliano Abe, o presidente da Câmara Municipal, Carlos Evaristo, o diretor de Operações da Pró-Saúde, Jocelmo Mews, o avaliador líder da Fundação Vanzolini, Gustavo Pacca, e a presidente do Voluntariado do Hospital Municipal, Mara Bertaiolli. 

Histórico

A implantação do sistema permanente de avaliação da qualidade dos serviços, que resultou nas certificações, teve início em 2014, com a criação do Núcleo de Qualidade e Segurança do Paciente (NQSP) no hospital. Em 2015, nove meses após iniciar as atividades, o Hospital Municipal obteve a certificação ONA 1 - Acreditado. A busca por um serviço de excelência teve sequência, primeiro com a renovação da certificação, em 2016 e, agora, com a conquista do segundo nível de acreditação. 

A certificação ONA 2 é válida por dois anos, mas o processo de avaliação e, consequentemente, implantação de melhorias é permanente e o próximo passado será a busca pelo do Nível 3, que atesta excelência em gestão.